Logo Bioparque Serra Negra

..

Aves

Importância Ecológica

 

As aves são de grande importância para o meio ambiente, sendo responsáveis pela polinização de diversas plantas e pelo controle de pragas ao se alimentarem de insetos, os quais em grande quantidade podem causar danos à população ou à produção de alimentos. Contribuindo na cadeia alimentar, as aves também servem de alimento para outras espécies e se  alimentam de carcaças de animais mortos, como algumas aves de rapina fazem. 


A dispersão de sementes também é uma atividade de grande importância realizada pelas aves. As aves ao se alimentarem de frutos, ou diretamente das sementes, contribuem para a dispersão destas para áreas distantes das árvores de origem. Depois de se alimentarem e passar pelo trato digestivo das aves, a maioria  das sementes conseguem germinar mais facilmente ao serem liberadas juntamente com as fezes em locais diferentes e assim aumentam a distribuição dos indivíduos contribuindo para a diversidade ecológica das espécies vegetais. Assim, elas também podem contribuir com a regeneração de áreas degradadas.

 

Algumas espécies de aves podem ser utilizadas como biomonitores da qualidade do ambiente em que está presente devido a suas características biológicas e fisiológicas.

Com uso  inadequado de diversas áreas por indústrias, a destruição de ambientes naturais é algo recorrente e muitos animais são afetados por contaminantes, como metais pesados. Nestes casos, as aves são muito estudadas para se estimar a quantidade de poluentes e como essa concentração pode afetar os animais causando alterações na reprodução, no sistema nervoso e no metabolismo.

 

 

Diversidade

 

No mundo, há mais de 10 mil espécies de aves descritas cientificamente, porém é estimado que o real número de espécies existentes seja em torno de 20 mil. O Brasil é considerado o terceiro país detentor da maior diversidade de aves no mundo, com aproximadamente 2 mil aves distribuídas em seu território, sendo a maior parte delas residentes no país e algumas espécies migratórias de outros países vizinhos ou até mesmo da América do Norte.  
 

As aves podem ser classificadas em mais de 40 grupos chamados “ordem” e são diferenciadas por suas características morfológicas e moleculares.

Diversidade de aves.png

Passeriforme

 

Costumamos chamar quase todas as aves que avistamos de passarinhos, mas nem todas as aves são passarinhos. Os verdadeiros passarinhos são as aves classificadas na ordem Passeriforme, elas compreendem cerca de 6500 espécies já identificadas e estão distribuídas em mais de 140 grupos, o que os fazem ser o grupo mais diverso de vertebrados terrestres.
 

Eles possuem uma grande variação de tamanho, o menor já identificado possui apenas 6,5 cm enquanto que o maior possui 70 cm de comprimento. Seus pés são do formato anisodáctilo, ou seja, possuem três dedos voltados para a frente e um para trás. São canoras, possuindo estruturas específicas para que consigam cantar atingindo os mais diversos tons, a alimentação é baseada em frutas, sementes e insetos. Possuem os mais variados tipos de bicos, especializados para cada tipo de alimentação.

Oldiefan, 2018.jpg
Qwuito, 2017.jpg
Sandro Solomon, 2010.jpg

Para mais informações:

 

BAPTISTA, A. A. S. Características dos Passeriformes. Grupo de estudos de Medicina Aviária - GEMA. Laboratório de Medicina de Aviária, Universidade Estadual de Londrina.

ESTRADA-GUERRERO, D. M.; SOLER-TOVAR, D. Las aves como bioindicadores de contaminación por metales pesados en humedales. Ornitología Colombiana, n. 14, 2014.

ICMBio. Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade. Aves  - Amazônia. Disponível em : https://www.icmbio.gov.br/portal/faunabrasileira/estado-de-conservacao/2798-aves-amazonia#:~:text=Existem%20no%20mundo%20cerca%20de,de%20Registros%20Ornitol%C3%B3gicos%20(CBRO).

MACHADO, E. L. M.; GONZAGA, A. P. D.; MACEDO R. L. G.; VENTURIN, N.; GOMES J. E. Importância da Avifauna em Programas de Recuperação de Áreas Degradadas. Revista Científica Eletrônica de Engenharia Florestal, v. 4, n. 7, p. 3-9, 2006.